Malbec, a uva que atravessou continentes, e se tornou um emblema argentino

Quando falamos da uva Malbec, pensamos logo em vinhos argentinos. Embora seja um grande sucesso e a Argentina seja o principal produtor mundial de Malbec, sua história se originou na Europa, em Bordeaux, porém foi mais cultivada em Cahors, ao sudoeste da França. Ela foi trazida para a Argentina no ano de 1852, onde se adaptou facilmente.

Para sua viticultura e para que elas expressem ainda mais seus aromas, elas precisam de muito sol, pouca chuva, clima mais frio e fresco e uma amplitude maior de temperatura diariamente. Essas características de clima auxiliam em uma maior expressão aromática e de sabor das uvas.

Como principal símbolo argentino, a uva possui uma data comemorativa dedicada somente a ela. O Malbec World Day, criado pela Wines of Argentina busca divulgar e destacar o Malbec argentino no mundo. É celebrado sempre no dia 17 de Abril, tendo sua primeira comemoração no ano de 2011.

A partir desta variedade da uva, pode-se produzir vinhos de todo o tipo, do rosé aos tintos, do espumante aos vinhos de sobremesa. E são produzidas por grandes vinícolas, como a Kaiken, que fica situada na região de Mendoza, na Argentina. Alguns de seus rótulos com esta variedade de uvas são o Kaiken Estate Malbec e o Kaiken Ultra Malbec, além do seu vinho ícone, o Kaiken Mai.

Importado e distribuído pela Qualimpor, o Kaiken Ultra Malbec é um excelente rótulo da uva, ele apresenta notas de especiarias e notas florais, e aromas de frutas como mirtilo e amoras, que são características da uva. Este vinho harmoniza facilmente com ensopados, carnes vermelhas e queijos não muito complexos, de sabores maduros.

Agora que sabe mais sobre a uva, que tal conhecer outros rótulos produzidos com Malbec? Só clicar aqui.